terça-feira, 1 de junho de 2010

olá caros leitores, saudações rabetenses a todos vós...

Durante os últimos pensei num tema para escrever sobre esta rara espécie, mas nada me ocorria, até que do nada, me lembrei de algo que os rabetas tendem a copiar de nós, seres humanos ditos normais que não mudamos de cor, que não somos estranhos, nem que agimos de forma totalmente incompreensível.
E do que me lembrei eu? Dos extraordinários e completamente estranhos concursos de anedotas dos nossos caros seres estudados. Não queiram ter de enfrentar tamanha brutalidade de tédio como ver concursos humorísticos organizados e proporcionados pelos rabetas, é do mais estranho e horrível que se pode vislumbrar.
Um verdadeiro filme de terror, igualável aos produzidos por grandes empresas cinematográficas. Não vou descrever o espectáculo, pelo simples facto de que prezo imensamente a vossa capacidade mental, assim como a sanidade e integridade da mesma. Deixo-vos apenas a imaginar o cenário. E quem quiser, que envie os seus devaneios sobre o assunto.


Punkwee